Esporte - 21/02/15 (22:21:58) Ferroviária vence o Paulista por 1 a 0, em Araraquara
Dia 1º de março, Paulista X Oeste, com transmissão da ´TV - Rede Vida´, às 10h.

O Paulista conheceu a sua quarta derrota na Série A-2 do Campeonato Estadual. Uma derrota, que ocorreu em um grande erro do zagueiro Leandro, que tentou dar um chutão e a bola bateu no corpo do atacante da Ferroviária, Tiago Adan, e a bola entrou. Jogando em casa, a Ferrinha venceu o Galo por 1 a 0, neste sábado.

O resultado colocou o time de Araraquara na liderança da “Segundona” com 16 pontos ganhos, abrindo já seis pontos para o quinto, o Água Santa. O Paulista com a derrota, ficou estacionado nos quatro pontos, e com os resultados deste sábado da sexta rodada da A-2 ainda não entrou novamente na zona de rebaixamento, ficando na posição limite para permanecer na divisão: 16º.

Mudanças de última hora - Antes da partida, os dois treinadores ofereceram surpresas. Na Ferroviária, o técnico Milton Mendes lançou o meia Alan Mineiro, ex-Galo, que não era titular nas primeiras rodadas, no lugar do lateral-esquerdo Roberto, com o zagueiro Alcides sendo deslocado para o setor esquerdo da defesa. No Galo, Roberval Davino teve que realizar uma mudança forçada. O meio-campista Fábio Gomes, com uma indisposição estomacal foi vetado do departamento médico, e assim não pode realizar a sua partida 200 pelo Galo. O jogador ficou fora até do banco de reservas e no seu lugar entrou o volante Jackson.

Primeiro vacilo, gol da Ferrinha - A partida começou estudada, com os dois times procurando não oferecer vacilos para o adversário. Mas no primeiro erro do Galo, a Ferroviária foi letal. Elder Santos desceu nas costas de Vanderson. Ele cruzou para Danilo Sacramento pegar em cheio na bola, mas o meia pegou errado na bola. O zagueiro Leandro tentou dar o chutão, mas acertou o atacante Tiago Adan e a bola foi para o fundo de Ygor: 1 a 0 para Ferrinha.

O clube de Araraquara poderia ter ampliado três minutos depois, se o chute de Alan Mineiro, de fora da área, não fosse a direita do gol, em uma jogada que começou com Elder Santos, nas costas de Vanderson.

Aos 26 minutos, o goleiro Ygor Vinhas quase teve um ataque do coração. O zagueiro/lateral Mayko foi tentar afastar a bola de cabeça, mas a bola passou a direita do gol do Galo, e quase o defensor marcou um gol contra a “La Oséias”. O cruzamento para Mayko tirar a bola, veio também da esquerda, do lateral Paulo Henrique, nas costas de Vanderson.

Tricolor termina melhor etapa inicial - Nos quinze minutos finais, o Paulista foi melhor. Principalmente pela saída, por contusão, de Elder Santos, que criava as principais jogadas da Ferroviária.

Aos 30 minutos, Mamadeira teve boa chance dentro da grande área, mas na hora de finalizar, não teve mira certeira e mandou muito a direita do gol de Rodolfo. Nos acréscimos da etapa inicial, Mamadeira desceu com liberdade na esquerda e rolou para trás para Felipe Lima, que mandou uma bomba. Neguete na pequena área, salvou a Ferroviária de levar o empate.

Após o intervalo, Roberval Davino modificou em dois setores. No ataque, colocou mais força: sacou o meia Felipe Lima para promover a estreia de Jaílson, artilheiro do Galo na temporada 2006, quando anotou 20 gols; e tirou o lateral-esquerdo Vanderson, que deixou muitos espaços no lado esquerdo, entrando Brendon no seu lugar, mas no lado direito da defesa, com Jackson ocupando o espaço deixado por Vanderson e Mayko jogando como volante.

Galo tem mais posse, mas pouco finaliza na etapa complementar - O Tricolor continuou mandando na partida nos primeiros minutos da etapa final, tendo mais a posse de bola. Mas poucas chances de gol foram criadas. A primeira boa oportunidade foi na bola parada, com Brendon, que cobrou bem a falta, e o goleiro Rodolfo se esticou todo e fez a defesa, evitando o empate em Araraquara, naquele momento.

Depois, o Galo somente levou perigo quando faltavam 15 minutos para terminar o tempo regulamentar, com Mamadeira, que observou o goleiro fora de posição, e tentou encobrir o arqueiro, mas a bola foi por cima do travessão.

O camisa 11 do Tricolor, dez minutos depois apareceu de novo, em uma jogada ensaiada de escanteio, que o atacante mandou a bomba da entrada da área e o goleiro Rodolfo se esticou para garantiu a vitória e a liderança para o clube de Araraquara.

Próximos jogos - O Paulista agora terá que treinar a pontaria para a sua próxima partida, no dia 1º de março, no estádio Jayme Cintra, às 10h, contra o Oeste, atual quarto colocado da Série A-2. Já a líder Ferroviária volta a campo no próximo dia 28, fora de casa, contra o Batatais, às 20h.

Fonte: Thiago Batista - Esporte Jundiaí - Imagem extraída da transmissão da Rede Vida


Imprimir Versão para impressão         Enviar Enviar a alguém         Comentar Comentar
     Mais Notícias   
    15/12 23:27 - Garotinho anuncia greve de fome por suposta perseguição
    15/12 22:49 - TJ-SP investiga contratação de comissionados na Prefeitura
    15/12 19:17 - Agita Jundiaí encerra atividades do ano neste domingo
    15/12 19:15 - Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões neste sábado
    15/12 19:14 - Linhas que atendem faculdades são suspensas nas férias
    15/12 19:09 - Comitê da Fifa suspende Marco Polo Del Nero por 90 dias
    15/12 19:07 - Toffoli envia acordo sobre planos econômicos para a PGR
    15/12 18:59 - Diretor da PF entrega relatório sobre ministros ao STF
    15/12 12:15 - Prefeito de Jundiaí faz balanço das atividades em 2017
    15/12 12:13 - Prefeito de Várzea Paulista faz balanço das atividades
    15/12 12:11 - Prefeito de Louveira faz balanço das atividades em 2017
    15/12 10:08 - PCC quer aumentar número de filiados
    15/12 10:06 - Mutirão da biometria termina neste sábado
    15/12 10:04 - Linha de ônibus do Eloy Chaves sofre ateração
    15/12 10:03 - Receita Federal paga último lote de restituições