Notícia - 13/10/16 (20:21:41) Vítimas de febre maculosa morreram após contato com cavalos
Prefeitura descarta epidemia da doença após três mortes em Jundiaí

Vítimas de febre maculosa morreram após contato com cavalos, diz Saúde

Prefeitura descarta epidemia da doença após três mortes em Jundiaí
Agentes de saúde estão em bairros da cidade para controlar carrapatos.

Os agentes de saúde de Jundiaí (SP) estão mobilizados para fazer o controle e eliminar os carrapatos após a confirmação de três mortes por febre maculosa. A doença é transmitida pelo carrapato estrela e as vítimas foram infectadas depois de estarem em contato com cavalos que estavam em cocheiras.

Apesar da Secretaria de Saúde descartar uma epidemia da doença, os moradores dos bairros Vila Maringá e Terra Nova, onde os casos foram diagnosticados, estão preocupados. A Secretaria de Saúde de Jundiaí confirmou a morte de dois adolescentes e uma criança, todos moradores dos dois bairros.

O número de mortes subiu de um ano para outro. Em 2015, uma morte foi confirmada pela maculosa. Os moradores do bairro Jardim da Serra também estão preocupados, já que uma mata fechada e uma nascente que ficam na região acabam atraindo muitas capivaras, um dos principais hospedeiros do carrapato.

Sem riscos
Apesar da preocupação, o secretário de Saúde de Jundiaí afirma que esses casos deixam a cidade longe de uma epidemia. Luis Carlos Casarini afirma que uma pesquisa recente da Faculdade de Medicina e Veterinária da USP mostra que em Jundiaí, 99% dos carrapatos não estão contaminados com a bactéria que causa a febre maculosa.

A febre maculosa se manifesta repentinamente acompanhada de vários sintomas, como febre alta, dor de cabeça, dores no corpo, náuseas e vômitos. Ela tem um ciclo de incubação que dura de cinco a dez dias, até se manifestar. Um dos maiores problemas apontados pelos médicos é o fato de que os sintomas se parecem com os de outras doenças, como a dengue. A demora no diagnóstico pode levar à morte.

No entanto, funcionários de diversas secretarias municipais estão trabalhando em vários pontos da cidade, principalmente nos locais onde foram registradas as mortes. “Nós fomos a essas regiões e começamos o monitoramento. Fizemos o controle químico imediato a partir da identificação da presença dos carrapatos nessa região. O controle foi feito através da aplicação de veneno e erradicamos os carrapatos ali presentes”, explica.

Notícia atualizada às 18h16 de 14/10/2016.

Febre maculosa aumentam e causam três mortes em Jundiaí

Óbitos foram registrados até setembro desse ano em dois bairros da cidade, Vila Maringá e Terra Nova.

A Secretaria de Saúde de Jundiaí (SP) confirmou três mortes por febre maculosa até setembro deste ano nos bairros Vila Maringá e Terra Nova. O número já é maior do que em 2015, quando, segundo a Unidade de Vigilância de Zoonoses, a cidade registrou apenas uma morte.

De acordo com a prefeitura, o aumento dos carrapatos é comum em áreas com grande concentração de animais silvestres e domésticos, principalmente os equinos, como na região afetada. Por isso, a principal preocupação é com o carrapato estrela, que transmite a febre maculosa.

A Secretaria de Saúde afirma que vem adotando medidas para tentar evitar novos casos na cidade, com o alerta de profissionais da área para a existência de sintomas que sugiram a doença, além de orientação em escolas, igrejas, cocheiras, centros esportivos e para organizadores de romarias que passam principalmente pela região Sul da cidade, onde ficam os bairros afetados.

Fonte: G1


Imprimir Versão para impressão         Enviar Enviar a alguém         Comentar Comentar
     Mais Notícias   
    11/12 21:52 - Comerciantes prometem PRESSÃO contra aumento de 25% no IPTU
    11/12 21:49 - Linha Eloy Chaves terá alterações a partir de sábado
    11/12 21:34 - Jardim das Tulipas terá ‘casa a casa’ na zona rural
    11/12 19:20 - Indenizações por morte no trânsito crescem 24%
    11/12 19:17 -  Rocha Loures vira réu por corrupção no caso da mala
    11/12 19:12 - Centro de Tecnologia de Jundiaí abre inscrições para curso
    11/12 10:14 - Filho mata pai após ver assassinato da mãe
    11/12 10:13 - Jundiaí ganhará novos guardas municipais nos próximos dias
    11/12 10:11 - Ipem promove verificação de taxímetro em Jundiaí
    11/12 10:10 - Inflação desacelera no País
    11/12 10:05 - Projeto que reajusta IPTU será votado nesta terça
    11/12 10:02 - Reforma da Previdência começará a ser debatida na quinta
    11/12 05:57 - Quatro morrem em acidentes de trânsito
    10/12 23:54 - Gilberto Kassab participa de encontro com radiodifusores
    10/12 23:16 - Motorista causa a morte de sargento da PM de Cajamar