Notícia - 30/12/16 (22:16:16) Comércio de Jundiaí pode demitir mais trabalhadores
Neste final de ano a Fiscalização do Comércio desapareceu do Centro da cidade

Os lojistas do Centro de Jundiaí estão desanimados e podem começar janeiro com demissões. Enquanto eles são obrigados a pagar impostos, aluguéis, energia elétrica e água, além das obrigações trabalhistas, os vendedores ambulantes estão tomando conta das calçadas e do Calçadão e não pagam tudo isso.

Um comerciante disse que não compensa manter a loja aberta, com a concorrência desleal.

Neste final de ano a Fiscalização do Comércio desapareceu do Centro da cidade.

Fonte: JR


Imprimir Versão para impressão         Enviar Enviar a alguém         Comentar Comentar
     Mais Notícias   
    19/10 19:19 - Posto avançado no Parque da Uva vai até quarta-feira (25)
    19/10 19:11 - Cachorro mata gato que levava celulares para presídio da PB
    19/10 19:09 - País abre 34,3 mil vagas formais de trabalho
    19/10 17:59 - Impulsionada pelo Refis, arrecadação sobe 8,6% em setembro
    19/10 10:35 - Ladrões uniformizados roubam mulher na Vila Progresso
    19/10 10:34 - Polícia procura ladrões de loja em Itupeva
    19/10 10:32 - Acidente deixa dois feridos no Centro de Jundiaí
    19/10 10:31 - Bandidos deixam Cajamar sem celular
    19/10 10:30 - Carro é prensado por ônibus na Avenida Jundiaí
    19/10 10:29 - Incêndios em matas continuam na região de Jundiaí
    19/10 10:25 - Kombi pega fogo e chamas atingem a Serra do Japi em Jundiaí
    19/10 10:23 - Mulher tenta sacar R$ 9 mil com documentos falsos em Jarinu
    19/10 10:12 - Pagamento do PIS/Pasep tem início nesta quinta
    19/10 10:11 - Bombeiros fazem resgate de cães durante incêndio
    19/10 10:09 - Deputado é a favor de aumento nos planos de saúde