Notícia - 20/04/17 (22:28:39) Com dois dormitórios distribuídos em 54 metros quadrados
Prefeitura de Jundiaí fará no dia 29, a entrega das últimas 21 unidades habitacionais na Vila Ana

A Prefeitura de Jundiaí fará no dia 29, a entrega das últimas 21 unidades habitacionais do processo de urbanização da Vila Ana. O projeto foi viabilizado graças a um convênio firmado entre o Ministério das Cidades/Caixa e a Prefeitura, por meio da Fundação Municipal de Ação Social (Fumas). A entrega do empreendimento foi dividida em três etapas, tendo sido entregue os primeiros 36 apartamentos em 2011. A segunda etapa, com a entrega de 87 unidades, ocorreu em 2015 e, agora, os últimos 21 apartamentos, que representam o início de uma nova vida para todas essas famílias. Com dois dormitórios distribuídos em 54 metros quadrados de área útil, os apartamentos possuem piso cerâmico em todos os cômodos e uma vaga na garagem.

Fonte: PMJ


Imprimir Versão para impressão         Enviar Enviar a alguém         Comentar Comentar
     Mais Notícias   
    17/10 07:59 - MP pede afastamento do ministro da Saúde, Ricardo Barros
    17/10 07:57 - Prefeitura de Cabreúva abre inscrição para concurso público
    17/10 07:57 - Peama fica em quarto no Paulista de Goalball
    17/10 07:54 - Atletismo de Jundiaí participa de etapa no Ibirapuera
    17/10 07:53 - Fifa divulga ranking atualizado de seleções
    17/10 07:53 - Mais de 11 mil pessoas já foram vacinadas em Várzea Paulista
    17/10 07:50 - Santos decepciona e não consegue se aproximar do líder
    17/10 07:46 - Polícia descobre fábrica de armas em casa na grande SP
    17/10 07:44 - Motorista de ônibus é flagrado fazendo selfie em movimento
    17/10 07:42 - Santander é campeão em reclamações
    17/10 07:41 - Mochila suspeita mobiliza a Guarda no Paço Municipal
    17/10 07:41 - Carro bate contra muro na Vila Rami
    17/10 07:40 - Rapaz morre afogado após cair de jet-sky em Atibaia
    17/10 07:39 - Associação de Supermercados decide não processar governo
    17/10 07:38 - Senador pede ao Supremo que impeça votação secreta